Os prédios desafiando

Seus olhos negros,dizendo bom dia. Os lençóis mudos,como se estivessem envergonhados,como se existisse pecados,nesse quarto frio e úmido. Ainda lembro das palavras,do seu olhar fixo e pessimista. Hoje, com a sua carne na minha,lembro da sua teoria, de pessoas e mares.De navegar em oceanos. Lembro das frases todas,de como é terrível perceber,que com tantas embarcaçõesquase […]

Leia mais…

Artista



Acervo público Metropolitan Museum of Arts, créditos: