Tenho migalhas de você
Que gritam meu nome.

Preciso de resquícios seus
para unir e ter meu antídoto.

Qualquer nota musical
Misturada ao seu suor.

Trechos da sua pele
Perdidos na memória.

Deveria te guardar longe
No nosso passado bonito.

Mas a minha mente humana
Não deixaria você ir fácil.

Tento me jogar em abraços
Que podem me aconchegar.

Que audácia a minha…
Querer te substituir assim.

Abraços unem almas
e eu me enganchei em você

Não tenho escolhas agora
vou deteriorar junto com você
Me lambuzar com esses restos
e me contentar com essa dieta.

Leave a Reply

  • (will not be published)

Últimas Postagens

Escreva também
no prascucuias

Ultrapasse a barreira do conformismo e mande seu texto para gente.

Envie seu texto

Assine nossa newsletter

[contact-form-7 id="3498" title="Newsletter"]